Péssima surpresa: Mangá ‘Blood Alone’ termina repentinamente!

 

Blood Alone

Os fãs do mangá Blood Alone receberam uma notícia muito amarga essa semana, o mangaká Masayuki Takano, anunciou em seu twitter que o mangá que vem sendo serializado pela revista Evening, irá acabar prematuramente na próxima primavera.

Blood Alone começou originalmente como um Doujinshi criado por Takano. Ele começou a serialização na Monthly Comic Dengeki Daioh, da ASCII Media Works em 2004, e se mudou para a revista Evening em 2010. O mangá foi adaptado em CDs Drama pelo menos quatro vezes, com Mai Nakahara (Juvia Lockser de Fairy Tail) como Misaki, e Toshiyuki Morikawa (Minato Namikaze de Naruto) como Kuroe.

Abaixo, você confere a nota divulgada pelo mangaká:

“A minha reunião acaba de terminar… Bem, então, eu twittei isso na época de lançamento do 10º volume de Blood Alone, mas eu tenho um anúncio muito triste a fazer. Sinto muito por ter que dizer isso.

A “serialização” de Blood Alone, na revista Evening, será finalizada na primavera. Peço desculpas pela minha falta de poder nesta situação… No entanto, uma vez que a história tenha acabado de entrar no clímax, eu vou continuar a escrevê-la depois do fim de sua serialização, e a terminar através da venda de Doujinshis e livros digitais.

Eu gostaria de fazer o meu melhor no restante das publicações de Blood Alone de forma digital e física, visando preço baixo e fácil obtenção. Acho que irei vender o 11º volume e continuar a série como Doujinshi no evento Comitia, em maio.”

Enredo:

O mangá gira em torno de Misaki, uma jovem que foi transformada em vampira, e Kuroe, um autor que escreve sobre vampiros. Através de um fatídico encontro, eles agora vivem juntos. Misaki tem sentimentos doces de amor por Kuroe, apesar da diferença de idade. Apesar de sua vida correr tranquilamente, outros vampiros e criaturas à espreita na escuridão podem causar fendas em sua normalidade.

Capa do volume 3 do mangá Blood Alone. (imagem: divulgação)

Capa do volume 3 do mangá Blood Alone. (imagem: divulgação)

É muito triste ver uma história terminar assim. Você também acompanha o mangá? O que você achou? Deixe seu comentário pra gente!

Não deixe de ouvir os bate-papos nerds e otakus da nossa equipe no XisCast, o Podcast do Anime X!

 

Anúncios

Software para criação de mangás disponível para Nintendo 3DS

 

Comic Studio Manga

No último dia 15 de janeiro, o Nintendo 3DS disponibilizou através do seu eShop, o software para criação de desenhos Comic Studio da Collavier. O programa foi lançado no Japão e custa ¥ 800 (aproximadamente R$ 19,00).

Layout do painel, esboços, tinta – o programa permite aos usuários fazer um mangá do início ao fim. É ainda carregado de modelos. Além disso, você pode converter fotos para preto e branco e usar como fundo. Também pode ser usado o recurso “Korokoro” para adicionar tons de cores para elas.

A variedade de linhas podem ser desenhadas, de finas linhas de 1 pixel para linhas mais grossas. As obras pode ser apresentadas em tamanho máximo de 896 x 896 pixels. O programa também suporta cores. As criações podem ser salvas em um cartão SD como imagens JPEG.

Fontes: Tokyo Otaku Mode / Otakuma Keizai Shimbun

– E agora, o que está esperando pra começar a criar o seu mangá?

Gostou desse software? Já o comprou? O que você acha? Deixe seu comentário pra gente!

 

A nova mangaká da Weekly Shonen Sunday tem apenas 16 anos!

Ela recebeu aclamação critica de mangakás influentes e já recebeu até prêmio!

Capa do mangá "Oni-Hime" de Sabakoneko (imagem: Weekly Shonen Sunday)

Capa do mangá “Oni-Hime” de Sabanoneko (imagem: Weekly Shonen Sunday)

Dito como para “passar um domingo agradável”, Weekly Shonen Sunday é uma das três principais publicações de mangá no Japão. Com uma circulação semanal de um milhão de cópias, Weekly Shonen Sunday tem apresentado notáveis mangakás. Mas, seu mais novo contribuidoré relativamente desconhecido na comunidade mangá e surpreendentemente jovem .

Sabanoneko está em seu primeiro ano do ensino médio na Prefeitura de Hiroshima. Considerada uma prodígio do mangá, ela ganhou o prêmio Rookie of the Year, da Weekly Shonen Sunday, pela poderosa forma de expressão de emoção em seu trabalho, Oni-Hime.

A história se estende por 40 páginas e segue a protagonista, Oni-Hime, um nome que incorpora os caracteres chineses de “demônio” e “princesa”, respectivamente. Ela sai em busca de vingar a morte de seu pai e determinada a exterminar todos os demônios, e a história começa com a chance de encontro de Oni-Hime com um certo demônio.

Terminando logo antes de seu aniversário de 16 anos, o trabalho de Sabanoneko foi publicado no volume 43 da Weekly Shonen Sunday e recebeu aclamação crítica de artistas de mangá influentes.

Se você não conseguir pegar uma cópia, você pode ler Oni-Hime gratuitamente no site Club Sunday. O trabalho está disponível apenas em japonês, mas aqueles que não conseguem ler kanji ainda podem admirar a arte de Sabanoneko e a inacreditável habilidade que ela possui .

Fontes: Anfreak / RocketNews24